quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Bombeiros fazem manifestação no Centro do Rio

Um grupo de bombeiros faz uma manifestação, na noite desta quarta-feira (14), na Avenida Presidente Vargas, no Centro do Rio. A informação foi confirmada pelo 5º BPM (Praça da Harmonia). De acordo com o Centro de Operações da prefeitura da cidade, devido ao protesto, uma faixa da via está interditada. Eles pedem aumento salarial e benefícios.
Ainda de acordo com o Centro de Operações, o tráfego está lento e com retenção, na pista sentido Canedelária. Segundo a Polícia Militar, seis viaturas do batalhão acompanham o protesto. Alguns bombeiros seguem acampados em frente à Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj).
O porta-voz dos bombeiros, cabo Pedro Ivo, afirmou na manhã desta quarta-feira que o cabo Beneveluto Daciolo e o capitão Alexandre Marquesini, dois líderes do movimento, foram presos na noite de terça-feira (13) por desobediência. A prisão aconteceu após um grupo de bombeiros protestar em frente ao Palácio Guanabara, na Zona Sul. Os dois estão detidos no Grupamento Especial Prisional (GEP), na Zona Norte.
"O cabo e o capitão continuam presos. Segundo deputados, eles foram presos por desobediência. Eles pediram para que nós parássemos de protestar no Palácio, mas não tem como fazer acordo com uma ditadura dessas", reclamou Pedro Ivo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário