quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Cap.Marquesini e Cabo Daciolo foram soltos

Todos para a ALERJ,a batalha continua!!!
O cabo Beneveluto Daciolo e do capitão Alexandre Marquesini foram soltos na madrugada desta quinta-feira (15) após a Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro obter a liberdade (habeas corpus) dos dois bombeiros. Eles foram detidos na madrugada de quarta-feira (14) no Palácio Guanabara, em Laranjeiras, na zona sul do Rio. A liminar foi deferida pelo plantão noturno do Tribunal de Justiça.

No requerimento, os defensores Luis Felipe Drummond e Daniel Lozoya afirmam que as prisões dos dois foram ilegais, já que os militares foram detidos apenas porque, em tese, teriam praticado o crime militar de recusa a obediência, por terem “recusado a se afastar das proximidades do Palácio Guanabara”, ordem que violaria os direitos constitucionais de ir e vir e o direito de reunião.

Os bombeiros estavam presos no Grupamento Especial Prisional dos Bombeiros, em São Cristovão, zona norte da cidade.

Segundo Cristiane Daciolo, mulher do cabo Daciolo, o marido foi para o Hospital do Corpo de Bombeiros, no Rio Comprido, zona norte, para fazer uma tomografia, pois está com pedra no rim. De acordo com Cristiane, após os exames, ele vai se juntar aos manifestantes na escadaria da Alerj, no Centro do Rio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário