sexta-feira, 6 de abril de 2012

Deputados da Alerj assinam pedido de anistia para PMs e bombeiros

Com quase total unanimidade, a Assembleia do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) assinou em peso o projeto de lei do deputado estadual Paulo Ramos (PDT-RJ), que pede a anistia dos policiais militares e bombeiros envolvidos na greve de fevereiro. Dos 70 parlamentares possíveis, 60 subscreveram o pedido.

Sem mágoas

Em discurso no plenário, Paulo Ramos disse que chegou a hora do governador Sérgio Cabral se solidarizar com os policiais e bombeiros expulsos das corporações. O principal argumento da anistia é o de que os grevistas não causaram prejuízos ao estado, como aconteceu na Bahia, e apenas protestaram por melhores condições de trabalho.

"Infelizmente, por uma razão ou outra, não consegui a assinatura de todos, mas já fui informado que vão assinar também. Já os deputados Paulo Melo e André Correa, por estarem numa posição de negociação, de encaminhamento, não poderiam mesmo assinar", afirmou Paulo Ramos. “Se houve excesso de parte a parte, o momento é de reconciliação. Os punidos reivindicavam melhores salários e não podem, agora, ficarem sem salário algum. É muito triste a posição deles e de suas famílias. Espero que o governador se mostre solidário e revogue as punições”.

Fonte: Jornal do Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário