domingo, 29 de abril de 2012

Servidores do Estado do Rio: 10 mil podem ficar sem salários

Dia 25 de maio é a data final para cerca de 10 mil servidores estaduais se recadastrarem e não ficarem sem o salário. Quem ainda não se apresentou para a coleta das impressões digitais do projeto Identidade Funcional — iniciado em 2009 —, e não o fizer agora, terá o pagamento suspenso a partir da folha relativa a junho, cujo depósito acontecerá no fim do mesmo mês, para as pensionistas, e no início de julho, para os ativos e os inativos.
Para resolver o problema, o servidor deve ir ao posto de recadastramento montado na Secretaria estadual de Planejamento, na Avenida Erasmo Braga 118, térreo, Centro, levando identidade, CPF, contracheque e comprovante da conta bancária em que o estado paga o salário do funcionário, como talão de cheque, cartão ou extrato.
— Após a suspensão do pagamento, vamos montar postos no interior para que o servidor não tenha que vir à capital — disse o secretário estadual de Planejamento, Sérgio Ruy Barbosa.
O estado ainda vai decidir onde serão montados os postos do interior. Os 10 mil que precisam atualizar os dados são os ativos do Grande Rio e do interior e os aposentados e pensionistas de todo o estado, incluindo a capital.

Nenhum comentário:

Postar um comentário